Por: Equipe NetFighter | 1 de janeiro de 2017

0.

*por Guilherme Cosenza

Para quem sempre conferiu as lutas do extinto Pride e já estava com saudade de ver o MMA numa de suas regras mais violentas, a famosa Saitama Super Arena, sediou mais uma edição do Rizin Fighting World GP 2016. O evento, que é visto como o novo Pride, deu um gostinho à mais para os amantes do antigo torneio ao trazer um dos grandes nomes da época para dentro do ringue, o croata Mirko “Cro Cop” Filipovic.

VEJA TAMBÉMFreak Show?! Lutadora japonesa Rin Nakai vai à pesagem do RIZIN FF de lingerie

VÍDEO – Gabi Garcia nocauteia Yumiko Hotta em luta bizarra pelo Rizin FF

Inicialmente a primeira disputa do croata seria feita com outra grande lenda do Pride, o brasileiro Wanderlei Silva, porém o “Cachorro Louco” acabou saindo do evento sem dar muitas explicações e trazendo a revolta de Cro Cop que atacou: “ele ficou com medo e mudou de idéia, mas ele sabia disso desde o início. Ele bancou o durão na coletiva de imprensa em julho e me desafiou para uma luta. Pensei comigo mesmo: ‘este homem tem coragem’. Mas agoro todos nós vemos do que ele é feito, nada além de m*“.

Com a saída do brasileiro, o americano Muhammed “King Mo” Lawal entrou no circuito para enfrentar a lenda viva do MMA na última quinta-feira. Porém, aos 42 anos e próximo de encerrar a carreira, Cro Cop mostrou que ainda está muito bem para o combate e nocauteou o americano no segundo round com belos golpes que não deram margem para o oponente se restabelecer (confira no vídeo acima os melhores momentos). Com a vitória, o lutador teve que enfrentar o gigante Baruto Kaito no último sábado para prosseguir na competição. O lutador de sumô da Estônia não conseguiu suportar a forte joelhada do croata e desabou ainda no começo do primeiro round (confira no vídeo abaixo), ajudando Cro Cop que ainda teria mais um confronto na noite pelo título.

A final acabou sendo com o wrestler iraniano Amir Aliakbari, que conseguiu a vaga ao vencer o russo Valentin Moldavsky. A luta parecia ser um combate de forças iguais, porém um cruzado aos 2min da luta desnorteou o iraniano que caiu e levantou para continuar a luta, mas o kickboxing afiado, marca registrada de Cro Crop, colocou o lutador na lona novamente, encerrando o confronto e fazendo do croata o grande campeão do Rizin Fighting Wolrd GP 2016.

Confira abaixo a luta final do GP completa.

Deixe seu comentário!