Por: Equipe NetFighter | 21 de março de 2017

0.

Wanderlei Silva e Chael Sonnen durante o TUF Brasil 3. Foto: Reprodução/TUF Brasil 3

O Bellator MMA anunciou o seu segundo evento de Pay Per View na história, que será realizado em Nova York, no Madison Square Garden, em 24 de junho deste ano. Para garantir o sucesso da edição, a companhia já divulgou nomes de peso para o card, como a lenda russa Fedor Emelianenko e o tão aguardado duelo entre Chael Sonnen e Wanderlei Silva como combate principal da noite.

Tá chegando sua hora!!! #WarWand #wanderleiisback

Uma publicação compartilhada por Wanderlei Silva 🇧🇷 (@wandfc) em


Sonnen e Wanderlei foram treinadores do programa TUF Brasil 3 e deveriam se enfrentar ao final do programa, no UFC 175, em 2014. A luta acabou não acontecendo após Wanderlei Silva ser suspenso pela Comissão Atlética de Nevada por não realizar um exame antidoping surpresa. O substituto de Wanderlei seria Vitor Belfort, porém dessa vez foi Chael Sonnen que foi suspenso pela Comissão Atlética, após substâncias proibidas serem flagradas em seu exame antidoping.

Desde então ambos chegaram a anunciar o fim da carreira, e estavam sem lutar desde 2013. O americano já havia retornado ao cage este ano pelo Bellator, sendo finalizado em poucos minutos por Tito Ortiz.

Outra luta que vem sendo especulada para o mesmo evento seria a revanche entre Ryan Bader, recém-contratado pelo Bellator, e o campeão meio-pesado da organização, Phil Davis. Os lutadores se enfrentaram em 2015, pelo UFC, com vitória de Bader por decisão dividida e já começaram as provocações nas redes sociais.

Deixe seu comentário!